Logomarca - Valor Consulting
Logomarca - Valor Consulting

Siga nas redes sociais:

Veja como consultar na Serasa as empresas que realizaram buscas do seu CPF ou CNPJ

Resumo:

Você se preocupa com seus dados e quer conferir as empresas que consultaram seu Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) nos últimos 24 (vinte e quatro) meses, então fique sabendo que a Serasa disponibiliza essa consulta aos consumidores de forma online e gratuita. Consultas desconhecidas ao seu CPF ou CNPJ ou empresas abertas em seu nome sem o seu consentimento podem ser indicativo de fraude! Fique de olho!

Hashtags: #serasa, #consultaCpf, #cpf, #consultaCnpj, #cnpj, #consultaDesconecida, #financaPessoal, #cadastroSerasa, #consultaCadastro, #fraudeFinanceira, #golpeFinanceiro, #analiseCredito, #cheque, #renovacaoSeguro,

Postado em: - Área: Finanças pessoais.

Veja como consultar no Serasa as empresas que realizaram consultas do seu CPF ou CNPJ

É muito comum as empresas efetuarem consultas do Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) em "empresas de análise de crédito" quando estão prestes a fechar um negócio (vendas parceladas, vendas através de cheques, renovação de seguros de carro ou residencial, etc.) ou quando o consumidor solicita crédito (financiamentos, empréstimos, etc.). É um procedimento comum e legalmente autorizado, desde que mantido o sigilo das informações do consumidor frente a terceiros (fora dos limites de atuação do Serasa), que possibilita às instituições financeiras melhor entender a relação do consumidor com o mercado, sendo, portanto, a base para uma análise de crédito mais precisa.

Os interessados em saber quais empresas consultaram seu Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) devem acessar o site da Serasa, o serviço é gratuito e basta o número do CPF em mãos para fazer a consulta. Após a solicitação do titular do documento consultado, o relatório fica pronto em até 24 (vinte e quatro) horas e permanece disponível para consulta por até 6 (seis) meses com informações como o nome da empresa que realizou a busca nos últimos 24 (vinte e quatro) meses, parte do Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ) dela e quando a consulta foi feita, além de lista as empresas abertas no nome do CPF consultado.

Em meio a assuntos relacionados a fraudes e crimes virtuais cada vez mais presentes no cotidiano dos brasileiros, essas informações se tornaram deveras importante, pois pode ajudar o consumidor a saber se alguma empresa com a qual não teve relação consultou seu Cadastro de Pessoas Físicas (CPF), o que sem dúvidas pode ser um indício de fraude/golpe.

Fonte: Equipe Valor Consulting (Checado pela Valor em 11/06/21).

O que fazer caso não reconheça uma consulta de CPF?:

Caso não reconheça alguma ação que possa justificar uma consulta do seu CPF ou CNPJ(s), a orientação é entrar em contato com a empresa que as consultou, comunicar que a verificação foi feita sem a sua autorização e solicitar os detalhes.

De acordo com um levantamento realizado em novembro de 2020, a Serasa verificou que 39,3 milhões de brasileiros afirmaram abertamente já terem sido vítimas de algum tipo de fraude financeira. Além disso, 36% dessas pessoas disseram não ter tomado nenhum tipo de providência mais formal.

Fonte: Equipe Valor Consulting (Checado pela Valor em 11/06/21).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Passo à passo para consultar o relatório da Serasa:

Abaixo apresentamos um passo à passo simples e objetivo de como solicitar os relatórios das consultas feitas do seu Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) ou Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ):

Passo 1: Acesse o site da Serasa através do endereço www.serasa.com.br e faça login. Importante mencionar que o login é o seu CPF, quando digitá-lo o sistema da Serasa verificará se o número informado consta em sua base de dados, caso não conste você será redirecionado para um tela de cadastro, aí basta preencher seus dados e se cadastrar, é rápido, seguro e totalmente gratuito.


Passo 2: Acesse a aba "Meu CPF", na parte superior do site.

Acesso à aba Meu CPF
Figura 1: Acesso à aba Meu CPF.

Passo 3: Ao acessar a aba "Meu CPF" você verá uma lista de serviços, acesse:

  • se pessoa física, a opção "Consultas" => "Consultas em seu nome";
  • se pessoa jurídica, a opção "Empresas" => "Consultas em seus CNPJs".
Tela de acesso à consulta
Figura 2: Tela de acesso à consulta.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Passo 4: Clique na opção "Solicitar meu relatório". Fazendo a consulta do Cadastro de Pessoas Físicas (CPF), o relatório também trará as pesquisas efetuadas nos CNPJs vinculados ao seu CPF.

Tela solicitar meu relatório
Figura 3: Tela solicitar meu relatório.

Passo 5: Uma vez solicitado o relatório, aparecerá a seguinte mensagem na tela: "Relatório solicitado com sucesso".

Tela de confirmação Serasa
Figura 4: Tela de confirmação Serasa.

Passo 6: Após 24 (vinte e quatro) horas seu relatório estará disponível. Caso tenha um número de celular atualizado no cadastro da Serasa, a empresa enviará um SMS quando o relatório estiver pronto, caso não tenha você receberá um e-mail ou, ainda, poderá acessar novamente o site da Serasa após o prazo mencionado. Tem várias alternativas, não deixe de acompanhar seu CPF.

Fonte: Equipe Valor Consulting (Checado pela Valor em 11/06/21).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Sobre a Serasa:

A Serasa é uma empresa brasileira criada há mais de 45 anos, que faz parte do Grupo Experian desde 2007. Ela foi criada em 1968 para padronizar formulários e dar rapidez nas decisões bancárias e controle ao sistema financeiro.

Ao contrário do que muita gente pensa, a Serasa não é um órgão governamental. Ela é uma empresa, que oferece soluções de crédito, marketing, certificação e consulta de dados para companhias de todos os segmentos.

A Serasa disponibiliza um ecossistema completo voltado para melhorar a saúde financeira do povo brasileiro com serviços e produtos digitais, dentre os quais:

  • Consulta ao CPF grátis: permite a consulta grátis do CPF, de forma simples, online e sem cobranças. Através desse serviço você pode checar se o seu nome está sujo e qual loja negativou seu CPF;
  • Limpa Nome: serviço que tem por objetivo negociar o pagamento de dívidas para limpar seu nome. A Serasa não negativa o seu nome, mas ela serve como ponte para você e o credor negociarem a dívida;
  • Cadastro Positivo: além dos serviços, a Serasa é uma das empresas aptas para trabalhar com o Cadastro Positivo;
  • Score: o Serasa score é uma ferramenta usada há décadas para a análise de risco de crédito de consumidores no Brasil e em outros países. Agora, o Serasa Consumidor tornou disponível para os consumidores o acesso a essa informação gratuitamente;
  • Antifraude: permite o monitoramento do CPF em tempo real. Com o Serasa Antifraude, você fica sabendo sempre que o seu CPF for consultado por alguma empresa na Serasa ou no SPC;
  • entre outros serviços.

O consumidor consegue, ainda, monitorar seus dados (Serasa Premium) e ter uma carteira digital própria para pagamento de qualquer tipo de conta e ainda contratar serviços.

Fonte: Equipe Valor Consulting (Checado pela Valor em 11/06/21).
Informações Adicionais:

Este material foi escrito no dia pelo(a) Valor Consulting e está atualizado até a doutrina e legislação vigente em (data da sua última atualização), sujeitando-se, portanto, às mudanças em decorrência das alterações doutrinárias e legais.

Lembramos que não é permitido a utilização dos materiais aqui publicados para fins comerciais, pois os mesmos estão protegidos por direitos autorais. Também não é permitido copiar os artigos, materias e arquivos do Portal Valor Consulting para outro site, sistema ou banco de dados para fins de divulgação em sites, revistas, jornais, etc. de terceiros sem a autorização escrita dos proprietários do Portal Valor Consulting.

A utilização para fins exclusivamente educacionais é permitida, desde que indicada a fonte:

"Valor Consulting. Veja como consultar na Serasa as empresas que realizaram buscas do seu CPF ou CNPJ (Área: Finanças pessoais). Disponível em: https://www.valor.srv.br/artigo.php?id=1106&titulo=veja-como-consultar-na-serasa-as-empresas-que-realizaram-buscas-do-seu-cpf-ou-cnpj. Acesso em: 06/08/2021."

ACOMPANHE AS ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES

Inflação e investimento: saiba tudo sobre o assunto!

Qual é a relação entre inflação e investimento? Muitas pessoas sabem que a primeira diminui seu poder de compra e afeta a rentabilidade das aplicações financeiras. Portanto, é preciso buscar alternativas que ofereçam um retorno real maior que a inflação. No entanto, existe um grande percentual de pessoas que foca somente na remuneração bruta obtida pelo investimento, sem considerar outros fatores. Assim, é importante saber como fazer a escolha correta do inve (...)

Notícia postada em: .

Área: Finanças (Finanças pessoais)


4 Dicas para montar uma planilha de controle financeiro eficiente

Como você controla o que entra e o que sai do seu orçamento? Se você não tiver certeza da resposta ou se não fizer esse acompanhamento, é sinal de que é hora de usar uma planilha de controle financeiro. Afinal, esse ano de 2020 nos mostrou que ter um controle financeiro eficiente e uma reserva financeira é sinal de bem-estar e tranquilidade nos momentos turbulentos que qualquer pessoa é passiva de propenso a passar. Com a ferramenta, é possível registrar e an (...)

Notícia postada em: .

Área: Finanças (Finanças pessoais)


https://comoinvestir.anbima.com.br/noticia/o-que-sao-derivativos/

Se você está aprofundando seus conhecimentos no no mercado financeiro já deve ter percebido que esse universo está cheio de alternativas, tenha você um perfil moderado, conservador ou arrojado. Sendo assim, aproveitamos para elaborar mais este post para falar sobre derivativos. Afinal de contas, você sabe o que são derivativos? Como perceberá hoje, trata-se de uma oportunidade interessante para investidores que desejem se expor a novos mercados, ativos e rentabilid (...)

Notícia postada em: .

Área: Finanças (Finanças pessoais)


Como evitar as compras por impulso?

A moda, a publicidade, as opções de pagamento. Não se engane, tudo isso procura despertar nas pessoas – inclusive em você – a vontade de comprar. Nada de errado com isso, até o momento em que as aquisições sucessivas, inclusive de itens que não são fundamentais, começam a incomodar e a pesar no bolso. A compulsão por compras pode destruir a vida financeira, além de também causar prejuízos sociais e familiares. Mas há formas simples e bem objetivas de ten (...)

Notícia postada em: .

Área: Finanças (Finanças pessoais)