Logomarca - Valor Consulting
Logomarca - Valor Consulting

Siga nas redes sociais:

Dica número 5 de como elaborar seu currículo

Artigo postado em: - Área: Recursos Humanos.

Anteriormente, escrevi 04 artigos, com dicas de como elaborar seu currículo. Se você ainda não os leu, sugiro de você iniciar a temática “Currículo” por eles...

A elaboração do currículo é uma das principais dúvidas dos profissionais. Penso que seja porque há muitas abordagens do assunto, inclusive, várias delas são controversas, o que pode gerar confusão e insegurança na hora de elaborar esta ferramenta.

A dica #5 é quanto a “Idiomas”:

Trata-se de uma parte do currículo que, ao contrário do que muitos pensam, pode ser estratégica sim!

Como?

Por exemplo: Muitos profissionais brasileiros AINDA não falam um segundo idioma em níveis considerados Avançado ou Fluente, em especial, alguns que ocupam determinadas posições. Assim, se você for uma pessoa que atua nesses cargos em que, por exemplo, o Inglês é um pré-requisito e costumeiramente os seus “concorrentes” não o atendem, é bem estratégico você colocar o campo Idiomas logo no início do seu material e salientar a sua fluência no Resumo Profissional.

Sugiro, inclusive, quando você for direcionar seu currículo aos Recrutadores, que envie tanto a versão em Português quanto em Inglês.

No entanto, se ocorre o contrário: você ainda não fala o idioma no nível que costuma ser pré-requisito para sua posição, o ideal é colocar no final do seu material, logo após a “Experiência Profissional” ou até mesmo não colocar.

Muitos profissionais me questionam sobre colocar Idiomas em níveis básicos. Sempre respondo: “Depende!”. Depende do quanto esse dado será contribuição ou até mesmo do quanto isso pode te prejudicar.

Por exemplo: Possuo Japonês em nível inferior a básico (Não me orgulho disso, não.. Já tentei diversas vezes aprender, mas é MUITO difícil). A última vez em que estudei foi 2011 e AINDA não retomei. Tampouco tenho planos para tal. Essa informação agregará valor? Ou ela pode passar uma sensação de que eu me acomodei? Já meu Espanhol está em nível intermediário e estou cursando. Aí sim acredito fazer sentido colocar, porque denota que estou em busca de desenvolvimento.

A mesma ideia acima equivale a quem começou a aprender diversos idiomas, mas nunca deu sequência a nenhum deles... Evite colocar conteúdos do tipo:

SE VOCÊ É BRASILEIRO, APLICANDO PARA POSIÇÕES NO BRASIL, NÃO É NECESSÁRIO COLOCAR QUE SEU PORTUGUÊS É FLUENTE OU NATIVO, porque é ÓBVIO! (Apesar de diversos brasileiros ainda cometerem INÚMEROS erros gramaticais).

Se você é bilingue, trilíngue ou poliglota, certamente, colocar o campo Idiomas bem enfatizado em seu currículo é BASTANTE ESTRATÉGICO.

Se preferir, você pode colocar leitura, escrita e conversação, desde que seja após o nível do Idioma: Mandarim- Básico (leitura, escrita e conversação).

Somente NÃO é mais usual colocar diferentes níveis, como o descrito abaixo:

Inglês: leitura (fluente), escrita (intermediário) e conversação (básico)

Outra dúvida muito comum é sobre preencher este campo, quando não se possui idiomas, além do Português. Sempre seja sincero! Pode ficar sem colocar este campo, sem problemas.

Está aí uma observação que quero frisar: não é porque esse campo consta nos modelos de CVs internet à fora que você precisa necessariamente colocar!!! Não apenas este item, como todos os demais!

Portanto, em “Idiomas”, procure pensar de forma estratégica! O quanto colocar diferentes idiomas irá valorizar ou prejudicar o seu perfil?

E nem preciso comentar que se você ainda não fala outros idiomas, fica a dica de galgar isso como próximos passos para o seu aprimoramento!!! Mesmo porque, atualmente, há cursos mais acessíveis, até mesmo gratuitos e online, bem como aplicativos destinados à propagação das mais diversas linguagens. Então, qual a desculpa para não se aperfeiçoar?


Veja as outras publicações dessa trilha de artigos:

Fonte: Flávia Sakay

Flávia Sakai - autor(a):

Profissional que acumula mais de 8 anos de experiência em RH, lidando com carreiras. Atuação no business de executive search como headhunter, atendendo ao interior de São Paulo. Experiência pautada no mapeamento e no entendimento de mercado, na busca de profissionais em meios estratégicos para posições de middle management.

Durante sua trajetória, atuou com foco em posições por segmento de mercado, em que conduziu projetos para empresas automotivas, de bens de consumo, de bens de capital, de papel e celulose, de serviços, de mercado financeiro e químicas.

Iniciou sua carreira na KPMG, em auditoria contábil. Na sequência, atuou como researcher na ASAP, e, posteriormente, como associate na Weplace. Graduada em Administração com pós em Gestão Estratégica pela USP, é fluente em inglês e possui vivência internacional. Possui formação de Terapeuta Consultora de Relações Humanas e Empresariais.

Leia outras publicações de Flávia Sakai

ACOMPANHE AS ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES

Comprovação de vida perante o INSS: Quem não faz a prova de vida, tem o benefício bloqueado

Neste artigo analisaremos a regulamentação que trata da comprovação de vida perante o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), bem como a renovação de senha por parte dos beneficiários e a prestação de informações por meio das instituições financeiras pagadoras de benefícios aos beneficiários e ao INSS, incluindo residente no exterior. Vele lembrar que os beneficiários do INSS que não fazem a prova de vida, tem o benefício bloqueado! (...)

Roteiro de Procedimentos atualizado em: .

Área: Benefícios previdenciários


IPI: Reajustamento de preço de produtos

Analisaremos no presente Roteiro os procedimentos fiscais a serem adotados pelos estabelecimentos vendedor e comprador caso ocorra o reajustamento de preço após a data da saída efetiva dos produtos anteriormente comercializados. Para tanto, utilizaremos como base de estudo o Regulamento do IPI (RIPI/2010), aprovado pelo Decreto nº 7.212/2010, o Parecer Normativo CST nº 245/1972, bem como outras fontes citadas ao longo do trabalho. (...)

Roteiro de Procedimentos atualizado em: .

Área: Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI)


Como evitar as compras por impulso?

A moda, a publicidade, as opções de pagamento. Não se engane, tudo isso procura despertar nas pessoas – inclusive em você – a vontade de comprar. Nada de errado com isso, até o momento em que as aquisições sucessivas, inclusive de itens que não são fundamentais, começam a incomodar e a pesar no bolso. A compulsão por compras pode destruir a vida financeira, além de também causar prejuízos sociais e familiares. Mas há formas simples e bem objeti (...)

Notícia postada em: .

Área: Finanças (Finanças pessoais)


Secretaria da Fazenda e Planejamento conclui integração total à Redesim

A Secretaria da Fazenda e Planejamento do Estado de São Paulo (Sefaz/SP) concluiu, em meados de maio, a integração total à Redesim (Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios). A iniciativa visa desburocratizar, facilitar e agilizar os atos cadastrais relacionados a empresas praticados pelos cidadãos. A Redesim é um ambiente nacional que engloba os atores envolvidos no processo de abertura, baixa e al (...)

Notícia postada em: .

Área: Societário (Sociedades empresariais)


Ministério da Economia publica normativo que simplifica o empreendedorismo no Brasil

Norma legal traz facilidades para a abertura e manutenção de empresas no país. Com o objetivo de simplificar, desburocratizar e propiciar um ambiente mais favorável para a realização de negócios, bem como melhorar a posição do Brasil no Ranking Doing Business do Banco Mundial, o Ministério da Economia (ME) atualizou as normas de Registro Público de Empresas. A Instrução Normativa nº 55/2021, de iniciativa do Departamento Nacional de Registro Em (...)

Notícia postada em: .

Área: Economia e mercado (Economia e mercado)


Crianças e adolescentes sob guarda podem ser dependentes de segurados do INSS

Por maioria, o Plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que crianças e adolescentes sob guarda podem ser incluídos entre os beneficiários do Regime Geral de Previdência Social (RGPS) em caso de morte do segurado do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). A decisão se deu, na sessão virtual finalizada em 7/6, no julgamento conjunto das Ações Diretas de Inconstitucionalidade (ADIs) 4878 e 5083, ajuizadas, respectivamente, pela Procuradoria-Geral (...)

Notícia postada em: .

Área: Previdenciário (Previdenciário em geral)



Produtos sujeitos ao selo de controle do IPI

No presente Roteiro de Procedimentos listamos os produtos sujeitos ao selo de controle do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) afim de auxiliar nossos amigos que militam na área tributária, bem como listamos as hipóteses em que a selagem é dispensada. (...)

Roteiro de Procedimentos atualizado em: .

Área: Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI)


ICMS: Reajustamento de preço de mercadorias

Analisaremos no presente Roteiro os procedimentos fiscais a serem adotados pelos estabelecimentos vendedor e comprador caso ocorra o reajustamento de preço após a data da saída efetiva dos produtos anteriormente comercializados. Para tanto, utilizaremos como base de estudo o Regulamento do ICMS (RICMS/2000-SP), aprovado pelo Decreto nº 45.490/2000, bem como outras fontes citadas ao longo do trabalho. (...)

Roteiro de Procedimentos atualizado em: .

Área: ICMS São Paulo


O que levar em conta antes de ir morar sozinho? Veja agora!

Chegou a hora de dar um grande passo: sair da casa dos pais e tocar a vida enquanto passa a morar sozinho. Entre as delícias da vida adulta estão a liberdade e a independência. A parte menos bacana é que essa decisão envolve um custo financeiro que não pode ser desprezado. Uma recomendação comum entre os especialistas em planejamento financeiro é simular um “teste” antes de fazer as malas. Coloque o seu orçamento estimado na ponta do lápis e tente (...)

Notícia postada em: .

Área: Finanças (Finanças pessoais)


Trabalhador em BH chamado pelo supervisor de “demônio” e “capeta” receberá indenização por danos morais

Testemunhas relataram que profissional era perseguido no ambiente de trabalho. Uma empresa de telemarketing, com unidade em Belo Horizonte (MG), terá que pagar indenização por danos morais a um ex-empregado que sofria assédio por parte do superior hierárquico. Testemunha ouvida no processo contou que, como forma de pressionar o cumprimento de metas, presenciou o supervisor chamando o trabalhador, autor da ação, de nomes pejorativos, como “demônio (...)

Notícia postada em: .

Área: Judiciário (Direito trabalhista)


Dica número 6 de como elaborar seu currículo

Anteriormente, escrevi 07 artigos, com dicas de como elaborar seu currículo. Se você ainda não os leu, sugiro de você iniciar a temática "Currículo" por eles... A elaboração do currículo é uma das principais dúvidas dos profissionais. Penso que seja porque há muitas abordagens do assunto, inclusive, várias delas são controversas, o que pode gerar confusão e insegurança na hora de elaborar esta ferramenta. A dica #6 é quanto a "Experiência pro (...)

Artigo postado em: .

Área: Trabalhista (Recursos Humanos)


Dicas para montar um controle financeiro eficiente

Assumir o controle das finanças é um passo essencial para realizar objetivos de vida e alcançar a tão sonhada segurança. E, para muitos, foi possível perceber que esse controle financeiro é mais que essencial. Mas para que isso se torne realidade, ter disciplina financeira é uma atitude inegociável. Na prática, isso quer dizer: aprender a organizar as finanças, ter controle de suas contas e garantir que sobre dinheiro no final do mês para formar uma r (...)

Notícia postada em: .

Área: Finanças (Finanças pessoais)